Simple Plan Fan BR

                         Biografia

  

A história do Simple Plan começa no meio dos anos 90 em Montreal, quando o baterista Chuck Comeau e vocalista Pierre Bouvier tinham 13 anos e eram do Reset, um conjunto punk que fazia tours pelo Canadá. "Pierre e eu somos amigos há muito tempo", Comeau disse. "Nós temos tocado juntos desde o dia em que eu ganhei a minha primeira bateria". Reset lançou seu primeiro álbum em 1997, mas no ano seguinte Comeau saiu da banda para se concentrar nos estudos. Mas muito cedo o baterista foi atraído de volta para a música, e em 1999, ele começou a tocar com seu amigo de escola, o guitarrista Jeff Stinco. Sebastien Lefebvre, outro guitarrista amigo, foi logo acrescentado nisso, e a nova banda havia nascido. A única coisa que estava faltando era um vocalista. "Nós fomos numa caçada", Comeau lembra-se. "Nós conhecemos milhões de pessoas, mas quanto mais nós pensávamos nisso, mais nós percebíamos que precisávamos do Pierre na banda". Enquanto isso, Bouvier ficou desiludido com Reset, onde ele estava lidando com quatro obrigações mais o vocal. "Eu queria desistir, voltar para a escola e esquecer tudo isso de música", Bouvier disse. "Daí, uma noite eu vi o Chuck no show do Sugar Ray em Montreal, e ele tipo, ‘Eu tenho essa outra banda, e nós estamos procurando por um cantor’. Eu fui lá e vi eles ensaiando, e a música era muito recente e muito nova, então eu pensei, você sabe, eu só vou tentar mais uma vez".

Os caras começaram a elaborar músicas punk-pop – mas as coisas ainda estavam incompletas. "Nós pensamos, falta um pouco mais", Bouvier disse, "mas o que mais nós poderíamos fazer? Nós pensamos, seria uma coisa muito boa se nós tivéssemos muita interação ao vivo com o público, então nós decidimos incluir mais um membro. Desse jeito eu poderia pular pelo palco e ficar mais perto da platéia". Entrou David Desrosiers – o vocalista/baixista que tinha substituído Bouvier no Reset. Desrosiers aceitou um convite para se juntar ao Simple Plan, que libertou Bouvier a pular no meio das pessoas da platéia. "Nós queríamos ser um pouco diferente e um pouco mais movimentado no palco", disse Comeau. "Nossos shows são mais de pular, se divertir e ficar louco. E porque nós temos três pessoas com ótimas vozes - Pierre, David e Seb – nós queríamos focalizar nas três harmonias e tentar fazer disso a nossa coisa especial".

O quinteto gravou vários demos e começou a tocar em shows punk para todas as idades, junto a festivais como Van's Warped Tour 2001, Edge Fest II e Toronto's Snow Jam. "Nós sempre amamos a força e a energia punk", explica Comeau. "Então toda música que nós escrevemos tem que incorporar a dimensão. Senão nós ficamos entediados. E mesmo que nossas músicas sejam contagiosas, elas nunca são realmente pop. Tem sempre muita intensidade acontecendo". "Depois de escrever a maioria do nosso [primeiro] CD, nós percebemos que nós tínhamos um monte de músicas contagiosas com letras muito tristes e emocionais", ele disse. "Nós achamos que isso era um contraste bem radical. Há muita gente por aí que não estão muito satisfeitos com o que está acontecendo na vida deles, e é a mesma coisa para nós. É muito difícil crescer e se acostumar com isso, mesmo quando você cresce. Nós somos todos entre 20 e 30, mas mesmo assim nos sentimos muito jovens.Porque nós estamos em uma banda, nós nunca abandonamos nossos anos de adolescentes". "Na minha cabeça, eu ainda sou um cara de 17 anos", Bouvier concorda. "Nós sabemos o que as crianças passam, porque nós passamos por isso, e nós ainda estamos passando por isso, então nós sabemos como isso é difícil. Nós queremos que sintam como se estivéssemos falando deles para eles. É uma ótima sensação receber uma carta ou um e-mail de alguém que se relaciona com nossas músicas e falar, 'Nossa, vocês estão cantando exatamente como eu me sinto."

O álbum de 2002 da banda, No Pads, No Helmets… Just Balls, foi gravado em Toronto com o produtor Arnold Lanni (Our Lady Peace, Finger Eleven). O disco tem convidados de outras bandas amigas, incluindo Joel Madden do Good Charlotte e Mark Hoppus do Blink 182. 2002 também viu os caras irem para a estrada para apoiar o álbum. "Nós simplesmente queremos tocar todos os dias", disse Comeau. "Eu disse para todos que trabalham conosco, 'Nós não precisamos de nenhum dia de folga - simplesmente marque-nos'. É como o nome diz, Simple Plan. Nós só temos esse plano simples para ir para a estrada e conhecer pessoas e fazer novos amigos e só ver quem gosta da nossa banda".

Em 2004, lançaram seu segundo álbum, Still Not Getting Any..., no dia 26 de outubro.
Eles dizem estarem muito mais maduros nesse álbum, porque no anterior havia músicas escritas há 4 anos atrás, quando não tinham muita experiência musical, mas dizem ainda serem os mesmos brincalhões de sempre.

Em setembro de 2005, Simple Plan aterrissou pela primeira vez em terras brasileiras.
No dia 17 de setembro a banda fez seu primeiro show no Rio de Janeiro e, no dia seguinte, foram a primeira banda internacional a se apresentar no festival "Mix Festival" da rádio Mix, em São Paulo. A banda ainda participou de programas de TV como "Jô Soares [Rede Globo]" e "Gordo Freak Show [MTV]", e também fez um pocket show e uma noite de autógrafos em São Paulo antes de deixarem o país. A banda garantiu que ficou apaixonada pelo Brasil e pelos seus fãs, e prometeu voltar em breve.

Quase um mês depois de sua vinda ao Brasil, a banda deu um belo presente aos seus fãs com o lançamento de um CD ao vivo. O CD "MTV Hard Rock Live" foi lançado no dia 4 de outubro em duas edições especiais: uma edição limitada e de colecionador que contém o CD, DVD, um botton, um patch e um livro de bolso com fotos do show. A outra versão - normal - contém apenas o CD e o livro de bolso de fotos do show.

Em 2006 a turnê da banda foi finalizada oficialmente mas mesmo assim, em Setembro, eles reservaram alguns dias para se apresentar em festivais e eventos do Canadá e da França. No fim do ano a banda anunciou algo bombástico. A banda marcou duas novas datas para shows no Brasil mesmo depois de quase 06 meses de turnê finalizada.

No dia 18 de Janeiro a banda fez um show exclusivo para o programa global "Big Brother Brasil" e em 19 de Janeiro de 2007 a banda se apresentou no Claro Hall do Rio para uma casa quase cheia. No dia seguinte a banda foi à cidade de são Paulo e fez um show bem maior do que do ano de 2005.
Eles se apresentaram no Anhembi para quase 15 mil fãs e finalizaram a turnê dizendo que o Brasil teria se tornado o 6º componente do Simple Plan e era o país favorito da banda.

No dia 12 de fevereiro de 2008 foi lançado o terceiro álbum do grupo, ‘Simple Plan’. Sua capa foi decidida por votos pela Internet, feita por eles, para ver qual os fãs preferiam. O CD conta com duas versões: a versão normal e a Deluxe, que contém vídeos e duas faixas a mais.